(51) 991140036  pomartec@pomartec.agr.br

A importância da rastreabilidade da produção na fruticultura

A rastreabilidade da produção na fruticultura é um processo que permite identificar a origem, o histórico e a localização de um produto ao longo da cadeia de suprimentos. É uma ferramenta essencial para garantir a segurança alimentar, a qualidade dos produtos e o acesso a mercados mais exigentes.

A seguir, listamos 5 pontos principais da importância da rastreabilidade da produção na fruticultura:

1. Adequação à normativa número 2 do Ministério da Agricultura: a normativa número 2 do Ministério da Agricultura estabelece os requisitos para a rastreabilidade da produção de frutas e hortaliças no Brasil. Os produtores que desejam comercializar seus produtos no mercado interno devem estar em conformidade com essa normativa.

2. Acesso a mercados EUA, Canadá e União Europeia: os mercados dos Estados Unidos, Canadá e União Europeia exigem que os produtos importados estejam rastreáveis. Os produtores que desejam exportar suas frutas para esses mercados devem implementar um sistema de rastreabilidade eficaz.

3. Garantia de produtos produzidos conforme as boas práticas agrícolas (BPA): a rastreabilidade é uma ferramenta importante para garantir que os produtos sejam produzidos conforme as boas práticas agrícolas (BPA). As BPA são um conjunto de normas e procedimentos que visam garantir a segurança alimentar e a qualidade dos produtos.

4. Melhoria da qualidade dos produtos: a rastreabilidade pode ajudar a melhorar a qualidade dos produtos, pois permite identificar e corrigir problemas ao longo da cadeia de suprimentos.

5. Segurança alimentar: a rastreabilidade é uma ferramenta essencial para garantir a segurança alimentar, pois permite identificar e rastrear produtos contaminados ou adulterados.

Em resumo, a rastreabilidade da produção na fruticultura é uma ferramenta essencial para garantir a segurança alimentar, a qualidade dos produtos, o acesso a mercados mais exigentes e a conformidade com as normas e procedimentos estabelecidos.

A seguir, vamos detalhar cada um desses pontos:

Adequação à normativa número 2 do Ministério da Agricultura

A normativa número 2 do Ministério da Agricultura estabelece os requisitos para a rastreabilidade da produção de frutas e hortaliças no Brasil. Esses requisitos incluem:

  • Identificação do produtor: o produtor deve identificar seus produtos com um código ou número único.
  • Registro das operações: o produtor deve registrar todas as operações realizadas com seus produtos, incluindo a origem, o destino e as etapas de produção.
  • Armazenamento das informações: o produtor deve armazenar as informações de rastreabilidade por um período mínimo de 2 anos.

Os produtores que desejam comercializar seus produtos no mercado interno devem estar em conformidade com essa normativa. Para isso, devem implementar um sistema de rastreabilidade que atenda aos requisitos estabelecidos na normativa.

Acesso a mercados EUA, Canadá e União Europeia

Os mercados dos Estados Unidos, Canadá e União Europeia exigem que os produtos importados estejam rastreáveis. Essas exigências são regulamentadas por leis e normas específicas.

Os produtores que desejam exportar suas frutas para esses mercados devem implementar um sistema de rastreabilidade que atenda às exigências específicas desses mercados.

Garantia de produtos produzidos conforme as boas práticas agrícolas (BPA)

As BPA são um conjunto de normas e procedimentos que visam garantir a segurança alimentar e a qualidade dos produtos. A rastreabilidade é uma ferramenta importante para garantir que os produtos sejam produzidos conforme as BPA.

A rastreabilidade permite identificar e rastrear as etapas de produção dos produtos. Isso ajuda a garantir que os produtos sejam produzidos de acordo com as normas e procedimentos estabelecidos nas BPA.

Melhoria da qualidade dos produtos

A rastreabilidade pode ajudar a melhorar a qualidade dos produtos, pois permite identificar e corrigir problemas ao longo da cadeia de suprimentos.

Por exemplo, se um problema de qualidade for identificado em um lote de frutas, a rastreabilidade pode ajudar a identificar a origem do problema e tomar medidas para corrigi-lo.

Segurança alimentar

A rastreabilidade é uma ferramenta essencial para garantir a segurança alimentar, pois permite identificar e rastrear produtos contaminados ou adulterados.

Por exemplo, se um produto for contaminado com uma bactéria, a rastreabilidade pode ajudar a identificar os produtos contaminados e retirá-los do mercado.

Em conclusão, a rastreabilidade da produção na fruticultura é uma ferramenta essencial para garantir a segurança alimentar, a qualidade dos produtos, o acesso a mercados mais exigentes e a conformidade com as normas e procedimentos estabelecidos.